Audi TT e TTS – Novos modelos apresentados no Salão de Genebra



  

A Audi apresentou no Salão de Genebra uma das novidades mais aguardadas para os apaixonados por carro e pela marca: a nova geração do TT e do TTS, que estão sendo um dos principais destaques do evento. O modelo cultiva o perfil roadster que faz sucesso desde a primeira versão de 1998, porém atualmente com um design mais contemporâneo com dominação das linhas retas.

A traseira do veículo possui lanternas trapezoidais e um spoiler traseiro que se abre de forma automática aos 121km/h. Os para-choques e para-lamas estão mais robustos. A dianteira é dominada por linhas horizontais, enquadradas por uma nova grade no formato hexagonal. A parte dos faróis segue essa mesma linha, com luzes de xênon de série ou LED opcionais. Em qualquer uma das escolhas, alguns filetes de luz são disponibilizados para o dia.

A terceira geração do TT segue o mesmo comprimento do familiar anterior, 4.18 m. Contudo, o modelo cresceu em 37 mm nos entre-eixos, medindo agora 2,05 m. A largura e altura têm 1.82 m por 1,35 m, respectivamente. O porta-malas foi aumentado para 305 litros, com 13 litros a mais que o antigo. Mesmo com medidas maiores, o automóvel ficou 50 kg mais leve, tendo no seu total um peso de 1.230 kg.

Na parte interna, o TT segue um mesmo padrão que o exterior, com cockpit exibindo linhas horizontais, sem muitos elementos, na tendência “Less is more”. A nova versão ainda apresenta uma tela multimídia de 12,3 polegadas e volante com base achatada. A disposição do carro continua no 2+2, ou seja, é um esportivo que dá a possibilidade para o uso diário.





Ficha técnica: duas opções de motorização, turbinados e com injeção direta de combustível. Primeira opção: 2.0 TDI diesel com 184 cv e 38,7 kgfm, com câmbio manual de seis marchas ou transmissão S Tronic. A segunda opção é o 2.0 TFSI a gasolina, incluindo 230 cavalos de potência e 37,7 kgfm.

Para os mais apaixonados e com disponibilidade de capital, o top de todos os TTS é o Audi 2.0 TFSI reconfigurado para alto desempenho, oferecendo 310 cavalos. A versão é capaz de fazer 0 a 100 km/h em 4,7 segundos com máxima limitada eletronicamente em 250 km/h. Para essa escolha, o esportivo é equipado apenas com câmbio S Tronic.

Audi TT

Foto: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *