Ford Ka+ – Características do novo modelo sedan



  

Há cerca de 5 anos a montadora Ford lançou uma nova geração para o Ka, onde ele deixou de ser um carro de nicho para se popularizar como veículo familiar. Agora a fabricante resolveu lançar o Ka+, que consolidará a tese de carro grande e espaçoso.  

O automóvel que deve concorrer em uma disputa acirrada com o Voyage, da VW, o Prisma, da Chevrolet e o Logan, da Renault, apresenta um porta-malas de 445 litros. Não é nada espetacular, como os 482 litros do Fiesta Rocam, mas é um bom tamanho para o seu seguimento.   

O interior do Ka+ não é tão espaçoso como o do Renault Logan, onde você poderá esticar suas pernas sem maiores dificuldades. No entanto, o carro da Ford apresenta um espaço interno confortável para 4 pessoas. Um quinto passageiro conseguirá desfrutar do automóvel, no entanto, ele e os outros dois ocupantes do banco traseiro passarão apertados.  

Seu design acompanha a linhas de tendências adotadas pela Ford ultimamente. O Ka+ é um produto desenvolvido no Brasil para o mundo. Todas as versões do carro oferecem ao motorista direção elétrica, vidros dianteiros elétricos, travas elétricas com controle remoto, ar condicionado, MyFord Dock (ferramenta para suporte a telefones celulares e aparelhos MP3), airbag frontal duplo, freios ABS e controle de frenagem em curvas. Todos esses itens virão de fábrica para os compradores.  

Ainda há outros componentes como controle de tração e estabilidade, sistema multimídia com reconhecimento de voz e assistência de emergência, além de assistente de partida em rampas, algo útil para novos motoristas.  





A partir de outubro deste ano, o Ka+ poderá ser adquirido com motores com 80 cv (gasolina) e 85 cv (etanol) 1.0 TiVCT. Além das versões com motores 1.0 haverá uma mais potente com Sigma 1.5, que renderá ao carro uma potência de 110 cavalos (etanol).    Os valores do Ka+ estarão entre R$ 37.890, para as versões mais básicas, e R$ 47.490 para os mais completos e potentes.

Por William Nascimento

Ford Ka+ Sedan

Foto: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *