Lançamento do Novo Porsche 911 no Brasil



  

Modelo chega com motor turbo em todas as versões. Preços partem de R$ 509 mil.

Após ter sido apresentado oficialmente no final do ano passado no Salão de Frankfurt, evento ocorrido na Alemanha, o novo Porsche 911 foi lançado aqui no Brasil. O veículo chegou ao mercado nacional com algumas mudanças, nessas mudanças foram feitas algumas pequenas alterações no visual externo do carro, as quais contemplaram o redesenhamento dos faróis e lanternas traseiras. A principal novidade trazida por este modelo ficou por conta da adoção do novo propulsor turbo, que será utilizado em quase todas as versões, exceção feita a edição limitada 911 R, que será lançada no segundo semestre e virá com um propulsor de seis cilindros opostos horizontalmente naturalmente aspirado de quatro litros e com capacidade de produzir uma potência de 500 cavalos, este motor trabalhará em conjunto com um câmbio manual de seis velocidades.

Nas outras configurações, a fabricante preferiu manter o tradicional propulsor de seis cilindros opostos, porém, sobrealimentado por turbina e sempre com acoplamento à transmissão com tecnologia robotizada de duas embreagens e de sete velocidades do modelo PDK. Outra novidade trazida pelo Porsche 911 é a tração integral nos modelos que são denominados pelo numeral “4”. A montadora, nesse início de venda, está fazendo uma oferta de carroceria cupê, targa e conversível (cabriolet).

Os preços sugeridos para comercialização deste lançamento vão de R$ 509 mil para o modelo Carrera até R$ 1,277 milhão para o modelo Turbo S Cabriolet, que é o topo de linha.

A versão de entrada, Carrera, vem dotada de um motor de três litros que possui tamanho reduzido em comparação com o modelo 3.4, que era utilizado na versão anterior. Para ajudar na potência o propulsor tem a ajuda de dois turbos, os quais conseguem produzir uma potência de 370 cavalos, ou seja, 20 cavalos a mais.





Por outro lado, os modelos Turbo e Turbo S, que são os topo de linha e que anteriormente eram os únicos que contavam com a presença da turbina na família 911, tiveram a cilindradas de 3,8 litros mantida, contudo, as turbinas ganharam um acréscimo de pressão, assim acrescentando a potência dos modelos mais 20 cavalos, de modo que com estas alterações os modelos passaram a produzir uma potência de 540 e 580 cavalos, respectivamente.

Para termos uma ideia do quanto essas máquinas são velozes, segundo os dados da fabricante, o modelo 911 Turbo S possui a capacidade de acelerar de 0 a 100 Km/h em incríveis 2,9 segundos.

Por Adriano Oliveira



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *