Carro foi produzido utilizando peças impressas em 3D



Blade é o nome do novo carro que foi fabricado utilizando algumas peças impressa em impressora 3D.

As possibilidades que uma impressora 3D nos oferece estão maiores a cada dia. Além de pequenas peças com funcionalidade doméstica e empresarial, decoração, prototipagem e próteses, os designers avançaram mais uma vez. Dessa vez um carro foi fabricado utilizando peças impressas em 3D.

O projeto inovador é se uma Start-up da Califórnia, que espera que o seu novo modelo traga uma nova fabricação ao mundo automobilístico. O carro, batizado de Blade, teve parte de suas peças impressas, ao invés de fabricadas em uma linha de montagem, como a maioria dos veículos.



O carro, um supermodelo de 709 cv de potência é o primeiro, segundo a empresa, que utiliza esse método durante a sua fabricação. Além da inovação nas peças, o Blade pode ser abastecido tanto com gasolina quanto com gás natural, para fazer jus à fama de carro esportivo.

A ideia de fabricar peças individuais e impressas em 3D, veio da observação do fundador e diretor da Start-up fabricante do veículo (Divergent Microfactories). Segundo Kevin Czinger, a fabricação tradicional de automóveis está contribuindo para a destruição do planeta, e a utilização da tecnologia das impressoras 3D seria capaz de mudar isso radicalmente.



A ideia é diminuir as grandes fábricas montadoras de veículos, responsáveis por grandes emissões de carbono na atmosfera. Para a fabricação do supercarro, foram impressas peças de alumínio que foram usadas na conexão das fibras de carbono que formam o chassi do automóvel.

A fibra de carbono, aliás, é uma excelente opção para a diminuição de peso do veículo e para o aumento de sua velocidade. Pesando apenas 636 kg, o Blade alcança a potência de 706 cv e supera duas vezes o Bugatti Veyron na relação peso/potência. Embora a montadora não tenha divulgado ainda os dados de consumo do carro, sabe-se que a redução no peso total do veículo também ajuda a diminuir o consumo.

Leia também:  Montadoras trazem de volta carros clássicos dos anos 50

A empresa deseja, além de comercializar algumas unidades do Blade, fazer de tudo para que esse novo método de produção seja democratizado. Para isso eles pretendem popularizar o método até que este chegue a pequenos empreendedores de todo o mundo, para que outros carros com a mesma tecnologia sejam fabricados, ou mesmo outros produtos.

Será o futuro da fabricação dos carros? 

Por Patrícia Generoso

Carro Blade

Carro Blade

Carro Blade

Fotos: Divulgação

Outros Conteúdos Interessantes

1 Comment

  1. Procurem na Amazon pelo livro “A verdade sobre as impressoras 3D” Recomendo para quem quer ter uma boa ideia do que essas impressoras realmente são capazes de fazer, pois a mídia muitas vezes distorce as coisas. É para iniciantes, se vc já tem entendimento ou experiência na área de impressoras 3D este livro NÃO lhe será útil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *