Audi e-tron – Lançamento no Brasil, Características





SUV elétrico da Audi tem previsão de chegar ao Brasil ainda neste ano.

O Audi e-tron é o primeiro carro elétrico da marca, tanto que faz parte do plano de eletrificação. A ideia é que, até 2025, cerca de 12 carros elétricos da Audi estejam circulando nas ruas. E, o mais interessante: o foco da empresa não são apenas os compactos, inclusive, o primeiro modelo que chega ao Brasil é um SUV.

Apresentado ao mundo no ano passado, muitas pessoas acreditaram que o modelo não chegaria em terras brasileiras. Porém, ainda em setembro de 2018, a marca confirmou que o SUV elétrico viria ao Brasil.




Início dos testes

No mês de abril, o Audi e-tron SUV apareceu publicamente – em sua versão de produção – pela primeira vez, para os brasileiros. Já adequado às condições do país, a Audi afirmou que os testes devem começar em breve.

Os testes a que o veículo será submetido envolvem: compatibilidade com a infraestrutura brasileira, avalição de autonomia e performance (exposto a circunstâncias comuns no país, como temperaturas variadas e tipos de piso).


A fábrica pretende realizar estes testes em parceria com estabelecimentos comerciais e empresas, para que, assim que o carro chegue ao mercado, existam mais pontos de recarga disponíveis. Afinal, o combustível do Audi e-tron é a energia elétrica e, por enquanto, ainda não existem muitos espaços para recarga no Brasil.

Como no país ainda existem poucos espaços para carregamento de carros elétricos – no caso, os famosos carregadores 150kW, que permitiriam recarregar a bateria mais rapidamente – a Audi ainda lida com um problema. Se o veículo fosse carregado em casa, em uma tomada comum de 220 V, levaria 48h para realizar a carga completa.

Por outro lado, quando carregado em carregadores 150kW, o carro fica com o tanque cheio em apenas 30 minutos. A parceria com as empresas e estabelecimentos comerciais tem exatamente este objetivo, facilitar a vida do motorista que adquirir o Audi e-tron, para que consiga carregar seu carro rapidamente em vários locais, não dependendo apenas da carga em sua residência.

Quando entrevistado, o CEO e presidente da Audi no Brasil, Johannes Roscheck, disse que a fase de testes é uma etapa importantíssima, para que o modelo possa entrar de vez no mercado brasileiro.

Por que um SUV?

A Audi tem o objetivo de ingressar no mercado “verde”, que oferece produtos que utilizam energias alternativas (como a eletricidade) e são não-poluentes. A escolha de um SUV, ao invés de um compacto, foi devido ao aumento da busca por estes modelos, principalmente no Brasil.

Tanto que a marca não é a única a trazer modelos elétricos. Ainda em 2019, quase que simultaneamente, chegam ao mercado o Jaguar I-Pace e o Mercedes-Benz EQC. Ambos, também movidos a eletricidade.

Características do veículo

O e-tron foi desenvolvido com o objetivo de chamar a atenção e conquistar os que gostam muito de dirigir SUV. Seu design já foi descrito como eletrizante, um pequeno trocadilho, já que se trata de um veículo elétrico. Dentre as características mais marcantes estão:

  • Motor: 2. Elétricos, com zero emissão de CO2;
  • Grade: single frame, de cor cinza clara;
  • Potência: 408 cv;
  • Torque: 67,4 kgfm;
  • Distribuição de peso: 50% na parte frontal + 50% na parte traseira;
  • Localização das baterias: exatamente no meio do veículo;
  • Faróis: dianteiros em LED, semelhante ao Q5. Traseiros, também em LED, porém em formato que lembra o Q8;
  • Medidas: 4,901 de comprimento, 1,616 de altura, 2,928 entre os eixos e 1,930 de largura;
  • Peso: 2.560 Kg
  • Espaço do porta-malas: 660 litros;
  • Tempo médio de recarga (em carregadores de 150kW): 30 minutos;
  • Rodas: liga de ferro leve e aro 20;
  • Autonomia: 400 KM;
  • Possui tração: Sim, nas quatro rodas; Tração elétrica.

Quando chega às concessionárias?

O objetivo da Audi, neste primeiro momento é realizar os testes e verificar como o veículo elétrico se comporta, ao ser exposto a condições comuns em várias regiões brasileiras. Depois disso, serão feitas as adaptações que se julgarem importantes.

Concluída a fase de testes e feitas as alterações, o Audi e-tron pode chegar ao mercado e, finalmente às concessionárias. A fábrica ainda mantém a previsão de que isso aconteça no segundo semestre de 2019.

Por Stephanie de Quadros

Audi e-tron

Audi e-tron

Audi e-tron

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *