Além do cupê padrão 488, há um Spider com capota retrátil e o novo para 2019, mais duro, já a versão Pista produz 710 CV e eleva seriamente o volume no V-8.

A visão global deste surpreendente modelo de automóvel é a seguinte:

Com um motor V8 semi-turbo de 3,9 litros, o 488 GTB gera um lamento sonoro e uma aceleração feroz até 8000 RPM, chegando a 661 HP. Um automático de sete velocidades de dupla embreagem é a única transmissão; estimamos um tempo de zero a 60 MPH de 3,0 segundos. A suspensão adaptativa da Ferrari é relativamente compatível sem sacrificar o manuseio. Além do cupê padrão 488, há um Spider com capota retrátil e o novo para 2019, mais duro, já a versão Pista produz 710 CV e eleva seriamente o volume no V-8.

As gerações do modelo Ferrari 488 GTB explicadas:

Os grandes designs novos ocorrem a cada cinco anos ou mais. Não há muita mudança no meio. Dividi-los em gerações proporciona distinções mais significativas no processo de compra.

A Spider FERRARI 488 consiste no último capítulo da história em termos de carros desportivos tipo OPEN-TOP V8, sendo que a saga iniciou com uma versão tipo TARGA-TOP DO 308 GTB.

Começando com o RHT (Top Rígido Retrátil) em torno do qual todo o carro foi desenvolvido, cada área do modelo 488 Spider foi projetada para estabelecer novos padrões tecnológicos para o setor.

Os valores dos consumos de combustível e das emissões de CO2 apresentados foram determinados de acordo com o Regulamento Europeu (CE) n.º 715/2007, na versão aplicável no momento da homologação.

Os valores de consumo de combustível e de emissões de CO2 referem-se ao ciclo NEDC e à configuração do veículo com o sistema HELE.

O novo procedimento WLTP é caracterizado por um perfil de condução mais dinâmico com aceleração mais significativa. A velocidade máxima aumenta de 120 para 131,3 km / h, a velocidade média é de 46,5 km / h, sendo o tempo total do ciclo é de 30 minutos, 10 minutos a mais que o NEDC anterior. A distância percorrida dobra de 11 a 23,25 quilômetros. O teste WLTP consiste em quatro partes, dependendo da velocidade máxima: Baixa (até 56,5 km / h), Média (até 76,6 km / h), Alta (até 97,4 km / h), Extra alta (até 131,3 km / h). Estas partes do ciclo simulam a condução urbana e suburbana e a condução em estradas e autoestradas extra urbanas. O procedimento também leva em consideração todos os conteúdos opcionais do veículo que afetam a aerodinâmica, a resistência ao rolamento e a massa do veículo, resultando em um valor de CO2 que reflete as características do veículo único.

Os valores estão todos atualizados e são os seguintes:

O preço atual, para o mês de Novembro de 2018: R$ 2.750.000,00;

O preço anterior, no mês passado: R$ 2.750.000,00;

O preço anterior, registrado há 3 meses: R$ 2.750.033,00;

O preço anterior, registrado há 6 meses: R$ 2.680.000,00;

O preço anterior; registrado há um ano: R$ 2.700.000,00;

O preço anterior; registrado há 2 anos: R$ 2.600.000,00.

Todos estes valores estão atualizados.

Estruturalmente, o automóvel da linha Ferrari 488 GTB consiste em um modelo esportivo produzido pela companhia Ferrari. Este tipo de veículo estreou, oficialmente, no dia 3 de fevereiro do ano de 2015, que ocorreu antes de sua grande estreia mundial no Salão Internacional do Automóvel em Genebra. A Ferrari 488 GTB consubstanciou-se em uma substituta da Ferrari 458, compartilhando com a mesma várias características de design e chassis.

Esta é uma das grandes novidades da companhia, a qual está emplacando o comércio há três anos.

Para mais informações a atualizações, todos os interessados poderão consultar o site: https://auto.ferrari.com/en_EN/sports-cars-models/car-range/488-spider.

Há muitos outros sies que estão noticiando as últimas informações sobre este modelo, alguns com maior precisão que outros.

Por Paulo Henrique dos Santos

Ferrari 488GTB 2019

Ferrari 488GTB 2019


Modelo terá 799 unidades produzidas e traz muitas vantagens e inovações.

A Ferrari, a escuderia italiana mais famosa no mercado de automóveis, lançou em edição limitada o modelo Ferrari F12tdf que promete agradar os clientes e fãs da Ferrari em todo o mundo.

O carro vai a 780 cv e teve, como fabricação de série, o número de 799 unidades. O carro tem muito estilo, de forma que sua cor amarela, além de trazer charme, também é bastante atrativa, o que chama a atenção das pessoas.

O modelo também é bastante inovador, com fibras de carbono e tudo. O nome do carro, contudo, foi escolhido como uma espécie de homenagem a um modelo de muito sucesso da marca nos anos 1950 e 1960, o Tour de France. O peso do veículo é de 1.415 kg, detalhe esse que é um diferencial, sobretudo porque torna o carro mais leve e flexível. O spoiller mais alto é outro ponto bacana do modelo, sem contar que os pneus dianteiros são mais largos. Ele é superveloz, afinal pode chegar, em velocidade máxima, aos 340 km/h. Debaixo do capô há o motor 6.3 V12.

Com todas essas vantagens e inovações, o Ferrari F12tdf tem tudo para fazer sucesso e conquistar muitos admiradores. A edição é limitada. O preço ainda não foi divulgado.  Outro ponto alto é a parte interior do carro, que é muito bonita e moderna.

O modelo, apropriado para pistas, foi inspirado na F12 Berlinetta. Também surpreende pelas novas rodas aro 20.

As fotos do carro já estão circulando e fazendo sucesso na internet. Além da beleza e da segurança, o F12tdf é confortável e com uma tecnologia de primeira categoria. 

Por Madson Lima de Oliveira

Ferrari F12tdf

Ferrari F12tdf

Fotos: Divulgação


A Ferrari revelou na manhã do dia 03/02/2015 seu novo modelo superesportivo. O 488 GTB vem com novo motor V8 de 670cv a 8.000rpm. Os números são realmente surpreendentes. Com essa potência, a aceleração chega de 0 a 100 km/h em 3 segundos, com o alcance de 200 km/h em 8,3 segundos e velocidade máxima superior a 330 km/h.

O nome 488 GTB, escolhido pela marca, conjuga 488cc de cilindrada de capacidade por cilindro e “GTB” refere-se à expressão: Gran Turismo Berlinetta.

No visual, o 488 GTB esboça uma aparência mais agressiva que seu antecessor, o 458 Itália, e os outros modelos mais recentes apresentados pela Ferrari. A carroceria tem novas entradas de ar e linhas bastante esportivas. Os faróis e as lanternas foram redesenhados. A aerodinâmica do 488 GTB atinge o coeficiente de 1,67 (o melhor resultado alcançado pela Ferrari). Os resultados mostram um aumento de 50% no downforce do carro, o que lhe permite realizar manobras em alta velocidade com mais fluidez e precisão.

Segundo informações da própria Ferrari, o 488 GTB é o modelo de produção em linha mais veloz do mundo, com tempos de resposta que se comparam aos de um carro de competição.

Com peso de 1.370 quilos, as dimensões do 448 GTB são: 1,952m de altura por 4,568m de comprimento. Ressalta-se que o peso ficou bem distribuído, sendo 53,5% sobre o eixo traseiro e 46,5% sobre o eixo dianteiro.

Internamente, o modelo 488 GTB apresenta saídas de ar em formato triangular e a disposição do painel dá a impressão de um cockpit, através de seus novos conjuntos de controle, com acabamento ousado e moderno, em formato de satélite. Contudo, algumas características clássicas do estilo Ferrari foram preservadas, como os detalhes em vermelho, o volante multifuncional, os bancos confortáveis e envolventes e a independência entre o painel e o túnel central.

Por Allan Carlos Marques

Ferrari 488 GTB

Ferrari 488 GTB

Ferrari 488 GTB

Ferrari 488 GTB

Fotos: Divulgação


Lançada no ano passado em Genebra, na Suíça, enfim a Ferrari F12 Berlinetta chegou ao Brasil. Apresentada no último dia 12 de abril no autódromo de Interlagos, em São Paulo, a herdeira do modelo 599 GBT Fiorano é considerada a mais possante Ferrari de todos os tempos.

O responsável por colocar ação nesse superesportivo é um motor 6.2 V12, que é capaz de gerar uma potência de 740 cv a 8500 rpm, com 70,4 kgfm de torque.

De acordo com a própria Ferrari, seu veículo pode fazer 0 a 100 km/h em 3,1 segundos, podendo chegar a marca de 200 km/h em 8,5 segundos. O carro pode alcançar a velocidade máxima de 340 km/h. Sem dúvida, a fabricante italiana fez um carro extremamente potente.

A Ferrari F12 Berlinetta consome combustível a uma taxa média de 6,6 km/l e sua emissão de CO2 gira em torno de 350 g/km.

Esse supercarro ainda possui várias de suas peças em fibra de carbono, o que faz com que seu peso total chegue a apenas a 1.525 quilos.

Para aqueles que quiserem adquirir essa máquina, é possível encontrá-la na concessionária da marca em São Paulo pela bagatela de R$ 2,4 milhões na sua versão mais básica. Se for o intuito do comprador ter uma F12 Berlinetta completa, ele terá que desembolsar uma quantia próxima a R$ 2,9 milhões.

Por Natália De Lazzari


Recentemente, a marca Ferrari reuniu seus principais clientes em um evento exclusivo realizado na Itália. A finalidade do encontro era apresentar o mais novo modelo da montadora, o incrível F70.

Segundo as informações oficiais contidas na página Ferrari Chat, o carrão é bastante promissor e deve conquistar os apaixonados por esportivos. A exemplo do modelo Enzo, o F70 provavelmente será um grande sucesso automotivo.

O carro atingirá a velocidade máxima de 370 km/h e contará com um propulsor V12, capaz de gerar a inacreditável potência de 800 cavalos. Além disso, a versão contará com moderno sistema KERS. Segundo informações do site acima citado, o F70 acelera de 0 a 100 km/h em menos de 3 segundos e vai de 0 a 200 km/h em apenas 7 segundos.

O novo F70 será um automóvel muito leve, com apenas 1.270 kg. A leveza ocorre em função do chassi produzido integralmente em fibra de carbono e kevlar. Já a parte aerodinâmica é composta por aerofólio móvel na traseira do veículo.

Inicialmente serão fabricadas 499 unidades do F70 e o carro deve ser apresentado ao público no Salão de Genebra, agendado para o mês de março.

Por Larissa Mendes de Oliveira


Os apaixonados pela Ferrari já podem comemorar o mais novo lançamento que ainda este ano começa a ser produzido, a Ferrari 458 Italia Spider, que chega com o mesmo motor do cupê.

A nova Ferrari agora conta com teto dobrável e pela primeira vez na história da marca não vai contar com a tampa transparente para o motor.

De acordo com o site TeamSpeed, em junho de 2011 o modelo teria sido apresentado a uma plateia pré-selecionada e a previsão na época é que a Europa receberia os primeiros modelos ainda no início de 2012.

Em setembro de 2011, o modelo foi apresentado ao mundo no Salão de Frankfurt e trazia um sistema que possibilitava ir de 0 a 100 km/h em apenas 3.4 segundos. Para muitos, isto era mais que suficiente, mas não para a Novitec, empresa alemã que está à frente do lançamento e de todos os preparativos.

A Novitec desenvolveu um novo sistema de escape com 21 quilos a menos que seu antecessor. O sistema conta com filtro de ar em fibra de carbono e software atualizado.

O visual do veículo também sofreu mudanças. A nova Ferrari 458 Italia Spider ganhou um novo spoiler dianteiro e apêndices aerodinâmicos na traseira, o que deixou o visual do carro muito mais esportivo e arrojado.

A suspensão do automóvel também sofreu alterações (agora são 3,5 cm a menos) e para enfrentar as estradas e ruas irregulares foi instalado um sistema hidráulico capaz de suportar e oferecer conforto aos ocupantes, que poderão contar com muito mais potência nesta nova versão.

Por Marcial Antônio Morais


Os modelos esportivos da Ferrari são ícones do mundo dos carros. Sonho de consumo e símbolo de status de príncipes, sultões e bilionários pelo mundo a fora, a marca do cavalinho rampante é, sem dúvida nenhuma, criadora de modelos que encantam em todos os sentidos. Potência, design, classe, glamour, sofisticação são itens presentes em todos os seus modelos.

Mas desta vez a Ferrari inovou e criou um modelo diferente em relação ao padrão de seus adorados esportivos. E esta nova Ferrari, que será oficialmente apresentada no Salão do Automóvel de Genebra, em Março, inova tanto no design mais longo, na configuração da estrutura do modelo que é uma combinação de hatch com perua, o que lhe proporcionou um tamanho maior do porta-malas, além de ter capacidade para quatro ocupantes. O novo modelo possui desenho mais alongado, levemente retilíneo na frente imponente e bastante agressiva e delicadamente arredondado na traseira ampla.

Os atrativos da Ferrari FF (Ferrari Four) não ficam apenas no design. Este modelo é o único da marca que possui tração 4 x 4. A motorização também mantém o charme da marca com potência e velocidade. A FF tem propulsor 6.3 V12 de injeção direta que produz generosos 660 Cv de potência. E ainda conta com transmissão de embreagem dupla, usada em competições, que a faz partir de 0 a 100 Km/h em somente 3,7 segundos e leva o modelo até a velocidade de 335 Km/h.

A nova Ferrari conta também com sistema Star&Stop e uma nova geração de freios de cerâmica completam a sofisticação de um modelo que com certeza fará muito sucesso e manterá a atração de uma das marcas de carros esportivos mais tradicionais do mundo.

Foto: The Joe Bloggs Blog

Por Mauro Câmara

Fonte: G1


Quem é fã da Ferrari e colocar os olhos sobre o novo modelo conversível da montadora italiana, a SA Aperta, certamente vai se apaixonar por seu design. O modelo é simplesmente lindo. Variação da Ferrari 599, a SA Aperta foi criada para homenagear o estúdio Pininfarina.

A casa Pininfarina é responsável por criar o design dos modelos da montadora italiana, e acaba de completar 80 anos. Sob a tutela de de Sergio e Andrea Pininfarina o estúdio de design é lembrado no nome do modelo. A sigla “SA” representa as inciais de Sergio e Andrea.

A Ferrari SA Aperta, equipada com um possante motor V12 de 670 cv, teve sua fabricação limitada à 80 unidades e, segundo a montadora, todas já foram vendidas. O preço não foi divulgado. O modelo poderá ser visto de perto durante o Salão do Automóvel de Paris no próximo mês.

Por Maximiliano da Rosa





CONTINUE NAVEGANDO: