Muito aguardada no mercado europeu, a Renault finalmente apresentou nesta quinta-feira, 13 de fevereiro, a nova geração do Twingo. O compacto é fruto da parceria entre a marca francesa com a Mercedes-Benz, onde uma nova plataforma foi criada para o Twingo e que também dará origem a mais dois veículos: Smart Fortwo e o Smart Forfour.

O Twingo original foi lançado em 1993 e descontinuado em 2007, tempo suficiente para fazer com que o carrinho ganhasse uma legião de admiradores, graças às suas características peculiares. Em sua segunda geração, o modelo cresceu e ganhou um apelo esportivo na versão RS e continuou apenas duas portas, o que limitava suas vendas. Essa nova geração, a terceira de sua linhagem, segue uma estratégia diferente, adotando a mesma receita proposta pelo conceito Twin’Z, apresentado no início de 2013. Totalmente redesenhado, o novo Twingo segue as características de design atual da marca, mas sem perder o estilo jovial e a identidade de sua primeira geração.

Moderno e cativante, o novo Renault Twingo passa a contar com faróis de neblina compostos por quatro pontos de LEDs, terá maçaneta traseira embutida na coluna C, possuirá janelas traseiras basculantes e terá o tampo do porta-malas em vidro, igual ao Volkswagen Up! europeu.

A fabricante não revelou muitos detalhes quanto às especificações técnicas, mas afirmou que o motor traseiro vai entregar uma impressionante agilidade, fazendo com que o compacto seja “muito divertido de conduzir“.

Especula-se que o novo Twingo venha com o motor de três cilindros 0.9 TCe Turbo, que terá injeção direta de gasolina e entregará 90 cv de potência. Com o bloco localizado na parte traseira, o compacto irá oferecer agilidade e maior espaço interno.

A apresentação oficial do novo Renault Twingo está marcada para o Salão de Genebra, no entanto, a marca francesa já adianta que o nível de personalização será um dos destaques do carrinho.

Por Caio Polo


A Volkswagen do Brasil está mesmo com muita vontade de tornar viável a utilização da unidade de Taubaté, no Estado de São Paulo. Recentemente a montadora anunciou um investimento de R$ 1,2 bilhão no local. A verba será direcionada para o processo de produção, onde o principal foco será a proteção ambiental e a qualificação profissional dos funcionários. Tudo isso tem um objetivo bastante claro, começar o mais rápido possível a implantação da nova linha de produção do Volkswagen Up! O valor investido na fábrica de Taubaté já estava dentro do cronograma da companhia, que prevê investimentos no Brasil até 2016.

O Up! será o carro mais em conta da montadora com fabricação nacional. O objetivo é que o Up! preencha o espaço que acabou sendo deixado pelo Gol G4, modelo da geração antiga que foi “aposentado” logo após se tornar obrigatório que os carros fossem vendidos com ABS e airbags (válido tanto para veículos nacionais quanto importados).

Entre as mudanças e inovações da unidade de Taubaté, a companhia informa que a mesma recebeu duas novas linhas de prensas. Serão 296 robôs de última geração para a área de Armação (setor onde as peças são unidas formando a carroceria do carro). Também há uma nova unidade de Pintura que une processos de alto rendimento, equipamentos e um baixo consumo energético. Para o setor de Montagem Final foram implantados novos conjuntos de equipamentos. A unidade ainda conta com a construção de três centros de treinamento, entre outros pontos.

A fábrica de Taubaté conta com 5 mil trabalhadores. A unidade também é responsável pela produção do Novo Voyage e do Novo Gol. No decorrer de seus 38 anos de existência, a fábrica já foi responsável por produzir modelos do Passat, Saveiro, Voyage, Parati e Gol.

Por Denisson Soares


Na última quarta-feira, dia 30 de outubro, a Fiat decidiu anunciar o corte de suas metas financeiras para o ano de 2013. O fato já estava sendo aguardado pelo mercado, já que no terceiro trimestre as receitas da companhia começaram a cair na América Latina, onde o Brasil é o principal mercado consumidor. E acrescente-se a isso a continuidade de perdas no mercado europeu.

De acordo com as informações divulgadas, agora a Fiat planeja garantir um lucro comercial 13% menor que o que havia sido previsto anteriormente. Em números, isso estaria entre 3,5 bilhões e 3,8 bilhões de euros. Ainda assim, o piso estabelecido para esta meta ficou bem abaixo do que era previsto por analistas do setor, que seria algo em torno dos 3,65 bilhões e 3,92 bilhões de euros.

No terceiro trimestre, o lucro comercial apresentado pelo grupo foi no valor de 816 milhões de euros, de acordo com a companhia. Este número é 9% menor do que o que foi obtido há um ano e de novo também ficou abaixo das previsões feitas por analista, que seria algo em torno de 915 milhões de euros. Lembrando que esse é o lucro obtido antes de serem feitos os descontos relativos aos impostos, itens extraordinários e juros.

No caso da América Latina, região onde o Brasil é o carro chefe da empresa, o lucro que normalmente era apresentado representava 25% do lucro comercial da Fiat. No terceiro trimestre, os ganhos obtidos tiveram uma queda para 165 milhões de euros. Em termos comparativos, no mesmo período de 2012 o lucro foi de 341 milhões.

No mercado europeu os prejuízos também não dão sinais de que tomarão outros rumos. Mesmo assim, convém ressaltar que em termos gerais o Oriente Médio, a África e a Europa tiveram uma certa redução nas perdas. O prejuízo foi de 165 milhões em comparação com os 238 milhões de euros do ano anterior.

Por Denisson Soares


A Honda, companhia japonesa de carros, motos e outros produtos, informou que o modelo 2014 do Accord chegou ao mercado norte-americano na quinta-feira, dia 22 de agosto de 2013. Foram lançados os modelos coupé e sedã, ambos equipados com motor 2.4 de quatro cilindros e injeção direta.

O Accord pode render até 180 cavalos de potência, contudo, o torque do modelo não foi divulgado pela fabricante japonesa. Sabe-se apenas que ambas as versões virão equipadas com câmera de ré, direção elétrica, assistente de ladeiras, além do controle de estabilidade.

Em relação à versão antiga, o modelo ainda traz bancos atualizados com encosto mais macio e novos espelhos retrovisores.

Há ainda a versão com motor V6, que apresenta um câmbio de seis marchas automático ou manual (somente no modelo coupé).

O modelo coupé terá um preço de US$ 21.955 (em torno de R$ 53 mil), enquanto a versão sedã será comercializada por US$ 23.625 (em torno de R$ 57 mil).

Ainda não há previsão para o lançamento do Accord 2014 no Brasil, contudo, a versão LX lançada aqui possui ótimos atrativos.

Por Robson Quirino de Moraes


A Fiat, grande montadora com presença global, acaba de lançar a nova edição do hatch Punto. Depois de apenas um mês do lançamento da versão tradicional, a Fiat coloca no mercado o Punto BlackMotion, que em muito se diferencia do modelo padrão.

O carro em questão conta com acabamento inusitado e acessórios exclusivos. Segundo a Fiat, o novo BlackMotion será equipado com máscara negra nos faróis, terá saias laterais, possuirá capô com frisos diferenciados, contará com colunas interiores revestidas, terá bancos bordados com o nome do modelo, possuirá cintos cinzas, terá textura negra no painel, contará com retrovisores revestidos, possuirá rodas de 16”, terá caracterização personalizada, dentre outros atributos.

O carro vem ainda com um moderno player que aceita CD, Rádio e MP3. Além disso, o veículo conta com vidros traseiros elétricos, possui volante revestido com couro e tem sensores de distância e de estacionamento.

Os consumidores que estiverem buscando ainda mais arrojo, conforto e funcionalidade, poderão adquirir alguns itens adicionais, como por exemplo: teto solar elétrico, sensor que detecta chuva, câmbio automático e muito mais.

Vale destacar que de acordo com a marca, o carro em questão custará aproximadamente R$ 50.000. Certamente não irão faltar compradores dispostos a pagar pela edição especial!

Por Larissa Mendes de Oliveira Soares


Mais um lançamento interessante chegou ao mundo dos automóveis e desta vez a novidade vem da Troller com o jipe T4 Praia.

Este novo modelo consiste em uma personalização do veículo original equipado com um motor 3.2 litros movido a diesel com capacidade de chegar a 165 cavalos de potência.

Fonte: Autossegredos.com

 

Além disso, este carro tem como principais características os bancos em neoprene, snorkel, ar-condicionado, direção hidráulica, suporte para prancha de surfe, sistema de GPS, proteção na parte inferior do automóvel e acionamento elétrico de vidros e travas.

O jipe T4 Praia já está à disposição para vendas em todas as concessionárias Troller por valores a partir de R$92.490,00.

Por Ana Camila Neves Morais


As práticas ecologicamente corretas estão sendo exigidas, a cada dia que passa, de mais empresas ao redor do mundo.

Para atender a esta necessidade a Volkswagen informou que irá realizar o plantio de 22.500 árvores na Espanha completando um total de 70 mil árvores plantadas no país desde o ano de 2011.

Esta ação consiste em uma campanha da montadora de veículos para compensar as emissões de gases tóxicos na atmosfera emitidos pelas fábricas da empresa.

As árvores serão plantadas pela Volkswagen em parceria com a Bosques Sostenibles (empresa especializada em gestão ambiental) na área localizada entre Cantabria – onde existe uma floresta corporativa feita pela VW – e a área de Valdeolea que teve um incêndio há pouco tempo.

Com isso, a fábrica de veículos terá duas florestas corporativas com plantas como castanheiros, carvalhos e bétulas em uma área de aproximadamente 22 hectares de árvores plantadas.

A partir desta ação, a Volkswagen pretende manter o seu compromisso de plantar uma nova árvore para cada carro que vende, pois elas são as melhores opções para neutralizar emissões de gás carbônico no ambiente.

Por Ana Camila Neves Morais


Neste último final de semana (entre os dias 23 e 25 de novembro de 2012) a Ford realizou o seu 1º Feirão de Peças e Serviços do Sul que foi no mínimo uma experiência inovadora.

A idéia deste feirão de serviços teve como objetivo investir na humanização dos clientes para resgatar proprietários de veículos da marca com mais de 10 anos de compra.

Outra novidade é que enquanto o mecânico confere o carro cobrando valores menores há uma outra equipe que atende o cliente verificando seu estado de saúde com ações como verificação de pressão arterial, medição da glicemia, cálculo do IMC além de atrações para as crianças como pipoca, algodão doce, piscina de bolinhas e pula-pula.

Esta inovação foi disponibilizada nas concessionárias Ford em 32 cidades distribuídas nos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Por Ana Camila Neves Morais


Uma interessante novidade surgiu no mundo automobilístico, pois a empresa americana Lit Motors, com o objetivo de aliar a segurança de um carro com a conveniência de uma moto, apresentou o seu novo modelo Lit C-1. Este é um veículo para duas pessoas, projetado para realizar viagens curtas e em áreas urbanas.

O veículo em questão funciona com energia elétrica e usa baterias recarregáveis, que oferecem a ele uma autonomia de aproximadamente 321 km. Não bastasse isso, em caso de eventuais acidentes, a carroceria oferece uma proteção que não é encontrada em motos comuns.

Ainda sobre esta novidade, o modelo híbrido possui também um sistema que alerta sobre o tráfego intenso, com a sugestão de rotas alternativas, bem como informa ao motorista sobre as condições climáticas que possam afetar a viagem dos seus passageiros.

O Lit C-1 está em fase de testes, mas a sua montadora espera colocar esta inovação disponível no mercado no ano de 2014.

Para conhecer um pouco mais sobre o novo veículo, acesse o site www.litmotors.com.

Por Ana Camila Neves Morais


Com onze modelos disponíveis no mercado, o Mini Countryman foi lançado durante o Salão de Genebra de 2010 e chegou ao mercado no ano de 2011.

Com menos de um ano no mercado, o público anda completamente encantado com o veículo.

O modelo tem 40 centímetros a mais que o Mini convencional, possui 4 portas e é esteticamente mais robusto.

Com um preço que varia entre 22.900 e 30.750 euros, o veículo está disponível em duas versões: 4×2 e 4×4.

No Brasil, este automóvel está sendo vendido por valores que vão de R$ 107.700 a R$ 144.700.

As potências do carro variam entre 90 e 184 cavalos. O câmbio manual de 6 marchas vem de série e para as versões a gasolina pode ser adicionado o câmbio automático.

Os consumos, as emissões, o sistema Start and Stop e a travagem regenerativa variam também de acordo com o modelo.

Já o famoso sistema de tração integral permanente é opcional e está disponível apenas para os modelos Cooper S e Cooper D.

Mais informações podem ser encontradas no site www.minibrasil.com.


A montadora de automóveis Lifan, de origem chinesa, anunciou que vai construir uma fábrica no Brasil, que terá a capacidade de produzir 10.000 unidades anualmente. A marca é representada no país pelo Grupo Effa, que confirmou investimento inicial de US$ 100 milhões (R$ 156 milhões) para erguer a planta.

O local e a data de início das obras ainda não foram definidos, mas a expectativa é de que estas informações sejam divulgadas em, no máximo, três meses.

A princípio, os carros deverão chegar ao país desmontados, ficando a montagem a cargo dos funcionários da fábrica, processo conhecido como CKD (Completely Knock-Down). Os primeiros modelos a serem montados em território nacional serão o hatchback Lifan 320 e o sedã Lifan 620, que já são vendidos por aqui desde 2010.

A nova fábrica faz parte da estratégia da Lifan em expandir as suas vendas no Brasil, chegando a 15.000 unidades comercializadas no próximo ano. Para tanto, a marca vai lançar novos modelos no mercado nacional e pretende aumentar o número de concessionárias para 120 lojas até 2012.

Outro plano que já está em ação é a construção de um centro de desenvolvimento e pesquisas, entre as cidades de São Paulo e Campinas.

Por André Gonçalves


No dia 24 de abril de 2011 a Ford completou 92 anos de atividades no Brasil. A montadora norte-americana foi a primeira a trazer uma filial para o país. No longínquo ano de 1919, era aberta a fábrica da Rua Florêncio de Abreu, localizada no centro da cidade de São Paulo, onde foram produzidos o Ford T (ou “Ford de Bigode”, como era conhecido na época), responsável pela popularização dos carros em todo o mundo e o caminhão Ford TT.

Em 1923, a fábrica, que já havia se mudado para a Praça da República e para o Bairro do Bom Retiro, ambos na capital paulista, tinha capacidade para produzir 360 tratores e 4.700 automóveis por ano. Posteriormente, novas unidades foram abertas e a empresa liderada por Henry Ford pôs no mercado diversos modelos que marcaram a história de muitos brasileiros. Alguns destes carros históricos são o Galaxie 500, lançado em 1967; os clássicos Corcel e Corcel II; Maverick; Escort; Del Rey; o caminhão F-600 e a picape Ford F-100, dentre outros.

A lista dos veículos vendidos pela Ford atualmente no Brasil conta com o Ka, Fiesta, New Fiesta, Fusion, Focus, Ecosport e Edge, além de picapes, vans e caminhões.

Fonte: Ford

Por André Gonçalves





CONTINUE NAVEGANDO: