Confira as especificações do novo modelo

A Hyundai divulgou o Enduro, um modelo que une a forma de um utilitário junto com uma moto de Rally e direcionado para pessoas que estão presentes em cidades com tráfego intenso.

A carroceria do Enduro tem parte de plástico, há uma elevação na suspensão e as barras laterais têm o objetivo de tornar mais simples o embarque e desembarque dos passageiros, e a utilização das barras do teto para transportar carga. Somente a parte externa foi visualizada, entretanto, a empresa informou que o design do interior é cheio de elementos horizontais e verticais.

Somado a isso, painéis sensíveis ao toque são utilizados para apresentar os dados para o condutor, assim como retiram o excesso para prevenir distrações. O conceito possui 4.271 mm de comprimento, 1.443 mm de altura, 1.852 mm de largura e 2.650 mm de entre-eixos, onde tem motor 2.0 litros turbo com câmbio de dupla embreagem e sete velocidades.

A Hyundai mostrou no Salão de Genebra, que ocorreu em março de 2015, o Tucson 2016. Neste momento, o modelo foi recebido no mercado dos Estados Unidos. A empresa apresentou o veículo no Salão de Nova York e afirmou que as comercializações iniciam a partir de julho. O modelo será comercializado no território brasileiro, entretanto, não existe uma data estipulada para seu recebimento aqui.

O Tucson norte-americano teve poucas modificações em comparação ao original, e é bem semelhante com o do mercado da Europa. A alteração exclusiva foi as luzes de LED, adicionadas na parte superior dos faróis. O modelo será comercializado no território norte-americano em duas versões, sendo a primeira com motor 2.0 que possibilita 166 cavalos de potência com uma transmissão automática de seis marchas. A segunda versão é 1.6 turbo que fornece 177 cavalos de potência com câmbio EcoShift de dupla embreagem sete velocidades. Os dois veículos serão vendidos com tração integral e tração dianteira. Os valores ainda não foram informados.

Por Felipe Couto de Oliveira

Hyundai Enduro

Hyundai Enduro

Hyundai Enduro

Fotos: Divulgação


Novo modelo foi lançado para homenagear os 450 anos do Rio de Janeiro

A Fiat está lançando o novo Uno Rio 450, um modelo exclusivo para homenagear o Rio de Janeiro. O Uno Rio 450 foi produzido exclusivamente para celebrar os 450 anos da Cidade Maravilhosa e será oferecido em versão única com valor de R$ 37.890,00. Esta edição especial do Uno custa exatamente R$ 530,00 a mais que o Way 1.0 que a versão em que o Uno Rio 450 se baseou.

A Fiat prometeu que já nos próximos dias o novo lançamento da empresa estará nas concessionárias do Rio de Janeiro e também de todo o Brasil, se bem que a empresa espera vender o maior número de unidades, nas concessionárias do Rio de Janeiro.

Somente 1.000 unidades serão produzidas do Uno Rio 450, por isso a procura deverá ser muito grande e quem deixar para depois poderá ficar sem ou terá que verificar nas concessionárias de outras cidades, que tenham recebido o modelo que poderão ficar com ele por um período maior.

O Uno Rio 450 tem como diferencial as rodas de liga leve e também os adesivos exclusivos na tampa traseira e também nas colunas C que mostram 3 traços que formam o número 450, a idade do Rio de Janeiro que vem recebendo muitas homenagens e agora, mais esta da Fiat.

Este mesmo desenho é encontrado no interior do veículo, estando no bordado presente nos bancos dianteiros. Outro diferencial do Uno Rio 450 é a grade dianteira na cor cinza que combina com a cor da capa dos retrovisores.

Entre os itens de série, o modelo terá direção hidráulica, vidros dianteiros e travas elétricas, ar-condicionado, computador de bordo, rack de teto, econômetro, indicador para troca das marchas, faróis de neblina, porta-revistas nos encostos dos dois bancos dianteiros, faróis escurecidos, predisposição para rádio, gancho para fixar a bagagem no porta-malas, suspensão elevada, pneus com baixa resistência ao rolamento e também retrovisores com comando interno.

O motor do Uno Rio 450 é 1.0 Fire EVO 8V flex com torque e 9,5 kgfm e 9,9 kgfm. O modelo será comercializado em dois tons de branco, prata e cinza metálicos e também na cor vermelha com uma pintura bem sólida. Para a cor metálica é acrescido R$ 979 no valor do veículo.

Por Russel

Fiat Uno Rio 450

Fiat Uno Rio 450

Fiat Uno Rio 450

Fotos: Divulgação


Já imaginou se você pegasse o seu carro novo para sair e de repente encontrasse problemas no freio, os quais o veículo não consegue parar no tempo exato? E se o motor fizesse um barulho estranho parecendo que está pifando? Imagino que você iria, na mesma da hora, à concessionária onde comprou o carro e pediria uma revisão ou até mesmo uma troca.

Existem chances de adquirir um veículo e passar por esse tipo de situação. Portanto, preste bem atenção, pois iremos dar 3 dicas a você que pretende comprar um carro novo e como fazer para não ter problemas:

– Como saber se o carro que comprei não veio com defeito?

– Quais os itens obrigatórios num veículo novo?

– Qual o resultado do nível de segurança do carro que comprei?

A primeira pergunta: Como saber se o carro que comprei não veio com defeito?

O melhor a fazer neste caso é adquirir um veículo com alguém que entenda de carros, pois assim você não corre o risco de sair com um carro problemático e que dará despesas com mecânicos posteriormente.

Em seguida, temos a segunda pergunta: Quais os itens obrigatórios num veículo novo?

Muita gente ao adquirir um veículo novo não sabe ao certo quais os itens obrigatórios que ele precisa ter. Diante disso, vamos enfatizar que um carro precisa de freio ABS e airbag, e o veículo precisa estar em perfeito estado. Ainda que seja um pequeno arranhão é possível pedir a troca.

Por fim, a última questão: Qual o resultado do nível de segurança do carro que comprei?

O resultado realizado nos últimos meses em carros populares tem sido alarmante, haja vista muitos serem reprovados ou obterem um conceito baixíssimo. Isso se dá principalmente quando avalia-se airbags frontais. No Brasil esse número deveria ser maior, pois somos o terceiro maior mercado consumidor de veículos e o quarto maior produtor de veículos, além de pagarmos impostos altíssimos. Por isso, verifique os mínimos detalhes ao adquirir um carro novo.

Por Luciana Viturino

Comprar carros

Fotos: Divulgação


Desenvolvido sob o comando da Ford Brasil e com a plataforma do New Fiesta, a nova geração do Ka estará disponível nas concessionárias da marca apenas na segundo quinzena de setembro, mas a fabricante estadunidense já divulgou os itens e preços de seu novo compacto.

O novo Ford Ka estreará no mercado brasileiro, a princípio, apenas com o motor três cilindros 1.0, em três versões de acabamento: SE, SE Plus e SEL. A intenção da Ford é fazer com que a nova geração do Ka se torne o líder de vendas entre os 1.0 e para isso, a marca apostou em design, modernidade e tecnologia.

Entre as principais tecnologias do novo Ka está o sistema de som com My Ford Dock, que conta com um local para acoplar o smartphone como uma espécie de sistema multimídia, sistema Sync com AppLink, que permite a utilização de aplicativos do celular sem a necessidade de tocar no aparelho, mas principalmente, o controle eletrônico de estabilidade, sendo o primeiro carro com motor 1.0 do Brasil a dispor desta tecnologia.

Desde a versão de entrada SE, oferecida por R$ 35.390, o carro traz freios ABS com EBD e CBC (controle de frenagem em curvas), airbag duplo, direção elétrica, ar condicionado, vidros dianteiros e travas elétricas, chave do tipo canivete, abertura elétrica do porta-malas, ajuste de altura da coluna de direção, sistema de som com entrada USB, Bluetooth e My Ford Dock, maçanetas e retrovisores na cor da carroceria, indicador de trocas de marcha, rodas de 14 polegadas com calotas, entre outros.

Na configuração SE Plus, disponível a partir dos R$ 37.390, o modelo conta com todos os itens da versão anterior acrescido de vidros dianteiros e traseiros com acionamento elétrico e sistema Sync Media System com AppLink, leitor de CD e MP3, entrada USB, conexão Bluetooth, controles de áudio e telefone integrados ao volante e comando de voz em português.

A versão topo de linha SEL, com preços a partir de R$ 39.990, vem com os itens apresentados anteriormente mais o controle eletrônico de estabilidade e tração, assistente de partidas em aclives, faróis de neblina, computador de bordo, ajuste de altura do banco do motorista, alarme volumétrico, acabamento “SEL” que traz apliques em cromo na grade dianteira e lanternas traseiras escurecidas, além das rodas de liga leve de 15 polegadas.

Opcionalmente a Ford oferece câmera de segurança para manobras em marcha ré, bancos com revestimento em couro e sistema de entretenimento com tela touchscreen.

Mecanicamente, a nova geração traz o novo motor três cilindros aspirado 1.0 Fox TiVCT 12V Flex com sistema Easy Start que dispensa o uso de tanquinho, capaz de entregar até 85 cv e torque de 10,7 kgfm quando abastecido com etanol.

Por Caio Polo

Novo Ford Ka

Foto: Divulgação


Entre as novidades apresentadas o C3 agora tem novas versões e conta com câmbio automático no modelo Tendance. Para a Minivan Aircross a novidade fica por conta da máscara negra nos faróis.

Na última quinta-feira, dia 22, a Citroën apresentou na cidade de São Paulo a sua nova linha 2015 para a família C3. A novidade apresentada conta com o próprio C3, a minivan aventureira Aircross e minivan C3 Picasso.

No caso do hatch premium C3 o destaque fica por conta das alterações e readequações realizadas no que diz respeito a oferta de versões uma vez que em termos visuais não foram realizadas mudanças. Confira algumas das novidades logo abaixo.

A montadora permanece com a mesma versão de entrada, ou seja, a Origine, custando R$ 40.990. De série o modelo conta, entre outras coisas, com vidros e travas elétricas, ar condicionado e também direção elétrica. A versão batizada de Attraction chega às lojas pelo preço de R$ 43.990. No caso deste modelo foram adicionados ao pacote diversos itens dentre os quais destacamos as rodas de liga leve com 15 polegadas, as luzes diurnas em LED, e os vidros elétricos na parte de trás. Também há o sistema de som com os comandos localizados na coluna de direção.

A Tendance, versão intermediária agora tem um motor de 1.6 e conta com câmbio automático. O preço do modelo nessa configuração é de R$ 49.990. Entretanto, a montadora disponibilizou uma versão mais simples que traz um câmbio manual e um motor 1.5. Este modelo sai das lojas pelo valor de R$ 45.990. Nos dois casos, além do que já vem originário de versões anteriores, ainda foi implantado nos modelos o teto panorâmico Zenith, que permite que o tamanho do para-brisa possa ser aumentado para até 1,35m de comprimento.

A versão topo de linha, Exclusive, agora tem sensor de ré e alarme de série. O modelo vai custar R$ 55.490. Também neste caso a uma novidade com uma opção com o preço mais em “conta”. O modelo que traz um câmbio manual e motor 1.5 vai custar R$ 48.990.

Por Denisson Soares

Citroen C3 2015

Foto: Divulgação


Com preço oficial de R$ 61.380, o T-JET 1.4 16 válvulas consiste no modelo mais caro entre as edições do Fiat Punto para a nova temporada. De forma prática o valor no mercado se relaciona ao motor que trabalha com turbo que fornece 152 cavalos adicionais. A empresa garante poder no equilíbrio das rodas para que curvas fechadas sejam desempenhadas com segurança, inclusive em velocidade alta.

De acordo com a empresa fabricante, há acabamento exclusivo no design do Fiat Punto T-JET 1.4, um ponto positivo para motoristas que não abrem mão de ter um carro que traz desenho moderno. As pinças dos freios se encontram pintadas em tonalidade vermelha. Dezessete polegadas no tamanho das rodas de liga leve.

No motor compacto 1.4 tem 16 válvulas e turbo, um conjunto desenvolvido de forma especial para qualificar o desempenho do carro nas pistas. Os 4.500RPM gerados por conta dos 152 cavalos representam números que não devem desapontar motoristas que apreciam trafegar em alta velocidade. De forma prática a direção ganha em energia com o turbo.

Há tecnologias que merecem destaque positivo no Fiat Punto T-JET 1.4 16 válvulas:

ECO DRIVE: sistema automático que coleta os dados de emissão do combustível e melhora as características do motor para diminuir o nível de fumaça tóxica à atmosfera.

Ao terminar o trajeto, tal sistema exibe aos motoristas os gráficos e índices que mostram características do desempenho atual, ou trazem quais regras seguir para melhorar a habilidade em dirigir de modo correto, ao economizar gasolina e ajudar o meio ambiente.

BLUE ME: com o sistema, quem dirige pode escolher músicas, ler mensagens eletrônicas e telefonar com facilidade ao usar os comandos do volante. Funciona de forma prática e quem nunca usou tecnologia do gênero se adapta rapidamente.

Deixe o seu recado e opine sobre o Fiat Punto T-JET 1.4 16 válvulas.

Por Renato Duarte Plantier

Fiat Punto T-JET 1.4

Foto: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: